Especial Marvel (Parte 01/28) – Contemplando o Sonho e o Legado

Celebrando o Marvel Cinematic Universe

Sem a pressa habitual das maratonas, sem a histeria que antecede um filme como Vingadores: Guerra Infinita e logo após a conclusão dessa saga no grandioso Vingadores: Ultimato, convido você a revisitar comigo cada um dos filmes que nos trouxeram até aqui. Pretendo extrair o melhor de cada um dos 23 filmes lançados até agora, analisar essas produções, seus significados e a grandiosidade de tudo que a Marvel criou nestes 11 anos. 

Este é o primeiro post de uma série com 28 publicações para celebrar, discutir e explorar a história e legado dessa franquia que tem moldado uma geração inteira do cinema no século 21. 

Você está convidado a comentar, compartilhar suas opiniões, informações e curiosidades em cada um dos meus textos. Os posts sairão conforme eu revejo os filmes, sem pressa, sem hype, vem tranquilo, não se afoba não. Boa Leitura. 

marvel-logo
O que acompanhamos nos últimos onze anos foi um espetáculo, um evento mundial dividido em vinte e três filmes, cada um grandioso e importante a sua maneira, e ainda que este espetáculo tenha seus pontos baixos e filmes ruins, nenhum deles foi o suficiente para tirar o entusiasmo e o folego nessa jornada. 

Gosto de pensar no que tudo isso representa para nós, os fãs. Não se tratam apenas de filmes de super-heróis. Cada um destes filmes trás em sua bagagem 80 anos de quadrinhos, a visão de milhares de artistas, do passado e do presente que fizeram com que tudo acontecesse. A Marvel conseguiu fazer filmes que empolgassem a nós, os marmanjos, nostálgicos e leitores dos quadrinhos e ao mesmo, encantar crianças que nunca viram um gibi na vida. Esse mérito ninguém tira da “Casa das Ideias”.

Da próxima vez que (Re)Ver um filme da Marvel, pense nos milhares de profissionais envolvidos, nos milhões de fãs de todas as idades vibrando em cinemas ao redor do mundo, nas conversas geradas com nossos amigos antes e depois de cada sessão, pense em cada podcast, texto ou vídeo produzido e consumido com entusiasmo, cada momento, meme ou declaração de amor postadas nas redes sociais e me diga: Como não celebrar o maior simbolo da cultura pop atual? 

Ver o inicio e o auge do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU) é um presente, um privilégio e daqui 40 anos tenho certeza absoluta de que estaremos nos gabando disso, como os nossos pais com Star Wars, nossos avós com Beatles ou aquele seu tio bêbado falando da copa de 94. 

Acho que consegui passar um pouco do que essa obra, como um todo, significa pra mim. Nem por isso deixarei de criticar os erros, filmes ruins e pontos fracos da obra. No próximo post, falarei do inicio da Marvel no Cinema e seu caminho tortuoso ao longo das décadas de 70 e 80. Fique com alguns Links que podem ser uteis e comentem ai, o que esses filmes significam para você?

Acessem: 

Esse episódio do meu Podcast
Onde eu resumi a trajetória e o panorama dos filmes de Super-Herois.

Especial Marvel – Parte 02  (02/28)
Os primeiros passos da Marvel no Cinema (Anos 70 e 80).

Anúncios

Um comentário sobre “Especial Marvel (Parte 01/28) – Contemplando o Sonho e o Legado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s