O Incoerente e eu

Olá, eu sou o Patrian e este é meu blog!

E eu tinha escolhido um nome foda pra ele, mas algum arrombado já está usando desde 2008, então deixei esse dai mesmo.

Eu me chamo Samuel Patrian, no momento em que escrevo tenho 20 anos, sou um estudante fudido do sexto semestre de Radio e TV, tenho 8,75 na conta, nenhuma namoradinha e algum tempo livre que pretendo desperdiçar escrevendo pra vocês.

Eu fui criado em uma época em que os pais deixavam a educação dos filhos a cargo da televisão. Por muito tempo minha melhor amiga foi uma Semp Toshiba de 21 polegadas e 50 meses de garantia (Lula cuzão, deixou pobre comprar TV deu nisso ai). Todos aqueles anos exposto a Sessão da Tarde, Novela das Oito e Programa do Ratinho, me fizeram desenvolver um fascínio enorme por aquela caixa iluminada e uma obsessão por séries e filmes. Além de problemas na coluna, nas vistas e um leve grau de retardo.

Depois veio a internet com seu catalogo magico e infinito de pornografia que me fez abandonar minha pequena Semp Toshiba. Nessa época conheci o mundo dos blogs, o recém criado Youtube e o que lembro como um dos tempos mais felizes da Internet. Então aos 12 anos decidi que tinha de fazer alguma coisa pra web ao invés de ficar o dia todo vendo sacanagem. Tentei alguns blogs, canais no Youtube com meus amigos igualmente idiotas e até comunidades no finado Orkut. Falhei miseravelmente em cada uma dessas tentativas.

Mas como eu estou sempre a favor do erro, em 2015 criei o Incoerente. Um blog que no inicio nem era sobre isso, mas que depois de alguns abandonos e reformulações finalmente encontrou um rumo. Dois anos depois, mas encontrou.

Mais um blog de Cultura Pop?

É verdade, ninguém aguenta mais essa porra dessa comunidade Nerd/Geek! Um monte de adulto mongolão, com barbas escrotas e camisetas toscas debatendo e brigando por filmes de herói como se fossem crianças. Mas o que eu posso fazer se faço parte dessa escória?! Deixa os menino brincar!!! 

cada dia surgem mais e mais sites, podcasts e canais dedicados a famigerada cultura pop. E com eles a velha discussão sobre o excesso, o saturamento e a exaustão destes assuntos. Mas acredito que há espaço pra todo mundo e que sempre haverá alguém disposto a ouvir suas ideias e opiniões (por mais imbecis que sejam).

Outro fator que tem me encorajado a escrever é que eu, pessoalmente, não estou muito satisfeito com os grandes portais de cultura pop. A opinião e as analises autorais se perdem em meio a um hype forçado, resenhas promocionais, boatos e fofocas de estúdio. Então em meio a este cenário, resolvi fazer o meu. E daí que não sou critico, jornalista ou escritor?! Aqui é a internet, não precisa saber das coisas pra falar a respeito. Vou falar muita merda? Esse é objetivo! 

“Este blog é tipo meu pinto. Tenho muito orgulho, mas não posso sair mostrando por ai.”

Sejam todos bem vindos ao Incoerente.
Desculpa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s